XIII CONGRESSO INTERNACIONAL DO
CONSELHO PORTUGUÊS PARA OS REFUGIADOS
“DIREITOS HUMANOS E PROTEÇÃO AOS REFUGIADOS”
Auditório 2 da Fundação Calouste Gulbenkian,
8 de Novembro de 2018
PROGRAMA
 
 
09h00 Receção aos participantes
09h30 ABERTURA DO XIII CONGRESSO INTERNACIONAL DO CPR
Teresa Tito de Morais, Presidente do Conselho Português para os Refugiados
09h35 70 ANOS DA DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS: REFUGIADOS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL
  • Relembrar direitos em tempos de turbulência: 70 Anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos
    José Manuel Pureza, Professor Universitário e Vice-presidente da Assembleia da República
  • As fragilidades dos Estados, a prevenção conflitos e a construção da paz
    Jorge Moreira da Silva, Diretor da Cooperação para o Desenvolvimento da OCDE
  • Sobreviver ao conflito, recuperar e prosperar: a reinstalação de refugiados nos EUA
    Susan Donovan, Diretora do Programa EURITA, do International Rescue Committee (IRC)
  • A discriminação como obstáculo para o desenvolvimento sustentável - A contribuição da CICDR em Portugal
    Pedro Calado, Alto Comissário para as Migrações, I.P.
Debate
moderado por Ricardo J. Rodrigues, Jornalista
11h15 Pausa para café
11h30 CONFERÊNCIA "GANHAR PODER ATRAVÉS DO MEDO: POPULISMO, XENOFOBIA E NACIONALISMOS NA EUROPA" POR ROBERTO SAVIO

Keyonote speech por Roberto Savio, Jornalista Italo-argentino, economista e ativista, fundador da IPS e de outras instituições da sociedade civil, apresentado por Mario Dujisin, jornalista.

Debate
13h00 Pausa para almoço
15h00 ACOLHIMENTO DE REFUGIADOS EM PORTUGAL

Encontro com refugiados presidido por SE o Presidente da República Portuguesa, Prof. Marcelo Rebelo de Sousa, com a participação do Representante Regional do ACNUR para o Sul da Europa, Felipe Camargo, e da Presidente do Conselho Português para os Refugiados, Teresa Tito de Morais. Testemunhos de refugiados residentes em Portugal.

16h30 RefugiActo apresenta “PROMETIDO?”, seguida de conversa com a plateia

O grupo de teatro amador "RefugiActo" surgiu em 2004 no âmbito do ensino-aprendizagem da língua portuguesa, envolvendo desde então muitas pessoas de diferentes proveniências (Afeganistão, Albânia, Angola, Bielorrússia, Caxemira, Colômbia, Costa de Marfim, Etiópia, Geórgia, Guiné-Bissau, Guiné-Conacri, Kosovo, Irão, Iraque, Myanmar, Nigéria, Palestina, Portugal, Ruanda e Rússia).

   

FICHA DE INSCRIÇÃO
Nome:
Apelido:
Instituição:
Correio electrónico:
Telefone:

O CPR garante estrita confidencialidade no tratamento dos seus dados. A informação por si disponibilizada não será cedida sob qualquer forma para uso de terceiros e será utilizada apenas para os fins directamente relacionados com este evento.